Postagens

Em Maio o negocio andará

Tudo é aprendizado Pessoal, essa postagem é para conversar com você que acompanha o blog e percebeu uma certa sumida da minha parte. Durante os últimos dias resolvi dar uma certa dedicada ao podcast e como ampliar o alcance dos trabalhos, fiz parcerias, conheci novas pessoas e li várias coisas. E é claro, fiz meus afazeres domésticos. Um pouco antes desse cenário, perdi meu emprego e depois veio essa situação de isolamento com diversas empresas fechadas. Essa semana começaram demissões em diversos lugares, o que me deixou mais triste por ver amigos desempregados. Dentro desse cenário, percebi que é realmente isso que quero fazer, escrever o blog e gravar podcasts; quem sabe também, finalmente começar o canal no Youtube. Peço sua colaboração na divulgação das postagens, o numero de acessos é fundamental para que o projeto continue, assim como o aumento de ouvintes do podcast. Se você realmente gosta desse conteúdo, indique aos seus amigos e familiares, principalmente nesse

P-Guard tirando as pessoas da rua

Imagem
Tunísia usa um robô policial para fiscalizar pessoas nas ruas Manter as pessoas dentro de suas casas é o maior desafio em diversos países, e na Tunísia não seria diferente. O que mudou foi a forma como estão fiscalizando as pessoas nas ruas, que agora conta com um robô policial para garantir o confinamento da população. O robô em questão é o P-Guard , um modelo criado em 2015 pela Enova Robotics , que conta com câmera de infravermelho , visão panorâmica , sensor térmico , sensor de obstáculos , conexão 4G/5G , sistema de GPS , pneus para terrenos acidentados, microfone e auto falante . Além desses acessórios ele mede 1,6 metros de comprimento, pesa 254 kg, se desloca a 11 km/h, pode se inclinar até 25° e sua bateria dura até 8 horas. Ao se deparar com uma pessoa na rua, ele emite um alerta ordenando que o cidadão volte a sua casa e aciona as autoridades caso a ordem não seja atendida. Ainda está em discussão se o robô pode dar voz de prisão em caso de desobediência . O mo

Xiao Bao a suas ordens

Imagem
Médicos de hospital chinês utilizam robô para atender pacientes de alto risco Em todos os jornais é apresentado o alto grau de propagação do Corona vírus (COVID-19) e da importância de se afastar das pessoas, principalmente os infectados. Após meses enfrentando a doença e perdendo diversas vidas, tanto de pacientes quanto da equipe médica, um hospital chinês convocou um novo membro para integrar sua equipe, um robô . O robô Xiao Bao conta com uma tela que é usada para interagir com os pacientes e possui sensores para medir a temperatura. Ele circula pelas alas com os pacientes nos estágios mais graves da doença onde a contaminação é mais elevada que nos demais setores. De acordo com a direção do hospital, os profissionais não podem passar mais que 15 minutos perto dos pacientes da ala de alto risco, realizando o minimo possível de contato com essas pessoas nesse período. O robô passa entre 30 e 60 minutos com cada paciente e, através dele, a equipe médica consegue con

Entendendo o daltonismo

Imagem
Google Chrome trará ferramentas para auxiliar desenvolvedores a entender como site será visto por pessoas daltônicas O daltonismo é uma anomalia genética que afeta a forma como o olho percebe as cores. Essa falha atinge cerca de 300 milhões de pessoas no mundo, onde a maior parte são homens e ainda não existe cura. Normalmente, o daltônico nem sabem que são daltônico, mas existem lentes com filtros de cor que ajudam a corrigir algumas tonalidades de cores. Normalmente os desenvolvedores criam os sites de acordo com o pedido de seus clientes e, normalmente, não inserem a acessibilidade adequada, dificultando a compreensão de alguns pontos por parte dos daltônicos. Em consequência, esse site se torna de difícil visualização ou até menos atrativo para essas pessoas. Pensando nesse ponto, o Google disponibilizará a partir da versão 82 do Chrome, um recurso que permitirá ao desenvolvedor simular a visão do daltônico. A ideia é auxiliar o designer a montar páginas mais harmôn

Chega de banho!

Imagem
Dispositivo "expulsa" pessoas que demoram no banho Suas dores de cabeça com aqueles que nunca querem sair debaixo do chuveiro acabaram. Uma professora criou uma cortina especial que 'expulsa' a pessoa do chuveiro após 4 minutos de banho, a My shower is a green warrior . O produto consiste em uma cortina com espinhos infláveis que são acionados após um comando de um controlador ligado ao chuveiro. Ao ligar o chuveiro é contado 4 minutos, após esse tempo os espinhos são acionados e inflam, ocupando o espaço do box e, obrigando a pessoa a desligar o chuveiro e sair. Essa maravilha infelizmente não foi criada para fins comerciais, foi apenas para ilustrar uma aula sobre consciência ambiental. O produto gerou reflexões sobre o quanto de água se gasta em um banho e se, em um futuro próximo, esse tipo de produto precise existir para orientar as pessoas. O racionamento de água é algo de extrema importância em qualquer lugar do mundo. Mesmo que você não

Jogue sem sair da cama

Imagem
Pra que cadeira gamer se eu posso ter uma cama gamer? Pensando na sua vida anti-social, uma empresa japonesa criou uma... acredite se quiser ... cama gamer . Isso que você leu, uma cama dedicada ao publico gamer. A cama foi criada pela fabricante de móveis Bauhutte . É fato que, quem possui uma rotina gamer não está muito preocupado com o mundo lá fora, apenas quer sentar e passar horas ou até dias jogando. Normalmente essa diversão acaba quando a mãe do jogador o tira de lá. Logo, a sacada por parte da empresa dá um certo apoio ao jogador. A empresa oferece um modelo que traz uma mesa suspensa para até dois monitores, suporte para copos, prateleira para colocar alimentos e outras coisas, cama reclinável e um braço auxiliar para celulares. Mesmo com um modelo padrão, a empresa possui outros acessórios, o que torna o produto totalmente personalizável. A cama é vendida sob encomenda e somente no Japão. Por se tratar de um produto personalizável, o preço varia de aco

Chopp fresquinho na mão

Imagem
Xiaomi lança chopeira portátil para que você curta melhor seus momentos E a chinesa favorita do povão ataca novamente. Agora trazendo um produto que busca entrar nas mesas de churrasco das pessoas, uma chopeira portátil . ISSO MESMO, uma chopeira para chamar de sua.  O novo aparelho promete transformar cerveja (de lata ou garrafa) em um chopp cremoso, com mais sabor e menos amargor. O dispositivo usa uma frequência de som para criar a espuma e prevenir a cerveja de oxidar. A acentuação das bolhas que ocorre, elimina o gosto amargo. Para usá-lo, basta acoplar na lata, ou garrafa, e apertar o botão. O modelo para latas pesa 75 gramas e para garrafas pesa 88 gramas, e ambas funcionam com duas pilhas AAA (pilhas palito) e são compatíveis com 90% dos modelos das latas e garrafas comercializadas no mercado. E ai? Se interessou? Corra na loja da Xiaomi e garanta o seu, o valor está entre 120 e 170 reais . O produto ainda não está disponível no site . Agora seus momento

Robô coletor de ervas daninhas

Imagem
Pensando nas grandes plantações, uma empresa criou um veiculo capaz de coletar ervas daninhas e garantir a qualidade da cultura A Naïo Technologies criou três veículos capazes de remover as ervas daninhas que surgem nas plantações e prejudicam o crescimento da plantação e que funcionam de forma autônoma. Os veículos foram desenvolvidos para atuarem em diferentes tipos de terrenos. Como dito, cada modelo possui um tipo de ambiente a se atuar. Os modelos são: o  Oz (Projetado para estufas e pequenas fazendas), o  Ted (Projetado para parreirais) e o  Dino (Projetado para grandes terrenos). Os três modelos usam sistema de GPS para ajudar no deslocamento, capina mecânica e podem realizar giros em 360° para se mover em locais apertado e mudar trajetória. Os robôs utilizam um sistema de reconhecimento de padrões baseado em um banco de dados com diversas culturas, onde o sistema vai aprendendo a identificar novas ervas daninhas e tornar seu trabalho mais eficiente. Exist

IA a favor da saúde

Imagem
Superbactérias resistentes a antibióticos estão com dias contados A pouco tempo, pesquisadores na área da saúde alertaram sobre a futura ineficácia dos antibióticos. Com o passar dos dias, as bactérias foram se adaptando aos componentes dos medicamentos e criando imunidade aos mesmos, logo, os tratamentos para doenças causadas por bactérias precisaram ser repensados, especialmente a parte da prevenção. Pesquisadores do MIT , criaram um algoritmo de inteligencia artificial que estudou a composição de 2500 componentes de antibióticos e, a partir daí ele conseguiu descobrir quais eram eficientes contra cada tipo de doença registrada. Numa segunda etapa, o algoritmo analisou mais de 6000 compostos, incluindo suas reações nas pessoas. Por fim, foi analisado um banco de dados com mais de 100 milhões de compostos. Após a analise, o algoritmo encontrou uma molécula capaz de matar bactérias e superbactérias de forma eficiente. A molécula recebeu o nome de Halicin , em homenagem

Combatendo a overdose

Imagem
Pesquisadores desenvolveram dispositivo que ajuda a minimizar os efeitos da overdose Pesquisadores da Universidade de Northwestern e da Universidade de Washington desenvolveram uma aparelho que auxilia pessoas que usam remédios a base de opioides a combater possíveis problemas de overdose.  Saiba mais sobre medicamentos opioides  AQUI O aparelho possui um sensor que, ao perceber um sintoma de overdose, injeto uma dose de Naloxona na pessoa. A Naloxona combate os efeitos da overdose causada pelos analgésicos e ajuda a pessoa a resistir ao ataque, outra função do aparelho é realizar uma chamada para o serviço de emergência para que os socorristas cheguem a tempo de resgatar o paciente. O aparelho já está sendo utilizado por socorristas e, em Outubro, o projeto recebeu uma doação de 10 milhões do National Institute of Health para agilizar sua produção. Mesmo com a promessa de salvar vidas, o aparelho foi alvo de criticas já que "As pessoas podem vir a aumentar a

Apoie esse trabalho

Apoie esse trabalho
Com 1 real você consegue ajudar a manter o blog